‘Vida que segue’, diz Jô em primeiro programa após a morte do filho

De preto, em luto pela morte do filho, Jô Soares dá seu tradicional 'beijo do gordo' no seu programa. Imagem fonte: Reprodução/Internet

De preto, em luto pela morte do filho, Jô Soares dá seu tradicional ‘beijo do gordo’ no seu programa. Imagem fonte: Reprodução/Internet

Três dias depois da morte de seu filho, Rafael Soares, o apresentador Jô Soares voltou a gravar seu programa na Globo. A edição exibida na madrugada do dia 04/11/2014 foi dedicada ao filho, que morreu aos 50 anos no dia 31/10/2014.

Ao final do programa, emocionado, Jô olhou para a câmera e disse: “Então é isso: vida que segue. A vida é pra isso mesmo, pra gente viver”. Foi aplaudido de pé. Nas redes sociais, a homenagem comoveu o público.

“Meu filho, Rafael Austregésilo Soares, o Rafinha, esteve no mundo durante 50 anos e foi uma criança especial. Como era autista, permaneceu menino até o fim. Ele passou a vida inteira na realidade do seu próprio mundo, com corpo de adulto e coração e alma de criança. Tinha ouvido absoluto, por isso tocou piano e adorava música”, disse ao abrir o programa.

Ainda na abertura, Jô contou uma passagem que justifica o fato de voltar ao trabalho ainda em luto. “Gostaria de contar uma história que dá uma ideia das coisas que eu aprendi com o Rafinha. Uma vez, numa livraria, ele chegou junto ao caixa carregando uma dúzia de livros. Eu estranhei: ‘Rafa, é muito. Escolhe seis’. E ele: ‘Então eu não quero nenhum. Eu prefiro não escolher’. ‘Mas por que não?’. ‘Porque escolher é perder sempre’. Levei todos. Hoje, eu também não preciso escolher. Como ele nunca faltou ao seu trabalho, também não posso faltar ao meu”, disse o apresentador.

Jô se referia ao “trabalho” de Rafael em uma “rádio”, que o filho produzia e mantinha em casa, como apresentador, e que não tirava do ar nem na hora de apagar as velas do bolo de aniversário. A rádio tinha uma programação ‘fechada’, apenas para os moradores da casa. Jô mostra uma das vinhetas da emissora do filho no programa desta noite.

Na atração, Jô recebeu o maestro Isaac Karabtchevsky, que completa 80 anos em dezembro, a modelo angola Sharam Sharam, uma das angels da Victoria’s Secrets, e ator Felipe Titto, o mordomo Wagner de Amor à Vida (2013).

Ao final, após dedicar o programa ao filho, Jô agradeceu ao auditório. “Obrigado, plateia, por todo carinho, afeto e senso de humor de vocês hoje. O programa começou difícil, e a graças a vocês foi se tornando mais leve e alegre.”
Nas redes sociais, telespectadores demonstraram solidariedade ao apresentador.

Telão do Programa do Jô exibe foto de Jô Soares com o filho, Rafael, ainda criança. Imagem fonte: Reprodução/Internet

Telão do Programa do Jô exibe foto de Jô Soares com o filho, Rafael, ainda criança. Imagem fonte: Reprodução/Internet

“Meus respeitos ao Jô Soares pela magnífica abertura do seu programa no dia de hoje… Talvez seu melhor momento na TV até hoje”, escreveu no Twitter o produtor Arnaldo Saccomani.

Publicado no Notícias da TV

Sou fã incondicional desse cara! Depois dessa postura diante da marte do seu filho, agora mais ainda! É possível sentir o amor e a forma como era o relacionamento dos dois! Parabéns Jô, o nosso repeito e admiração sempre! #vidaboadepai

Comentários do Facebook

comentários

Comente aqui