Pais Consagrados

Como conseguiremos ser “Pais Consagrados”, que não terceirizam o seu papel e sabem quem são de verdade? Um desafio grande, mas totalmente possível. Deixo vocês com aquilo que acredito e vivo todos os dias…

Me-Deixem-ser-pai-da-minha-filha-5

“Ele deve governar bem sua própria família, tendo os filhos sujeitos a ele, com toda a dignidade.” 1 Timóteo 3: 4

Homens morrem mais cedo que as mulheres em todas as faixas etárias, principalmente entre os jovens onde a incidência de mortes por armas de fogo atinge cerca de 05 jovens do gênero masculinos em cada 10, entre os 16 a 22 anos, Segundo dados da Unesco 2009. Existe uma tremenda crise de masculinidade no mundo e principalmente no Brasil.

Existe uma grande crise mundial em relação a paternidade. No Brasil existe cerca de 260 mil alunos matriculados na escolas públicas que não consta o nome do pai na certidão de nascimento (Folha de São Paulo, novembro 2014).

O desafio da paternidade é algo espetacular quando vemos o homem como formador, orientador e o equilíbrio de uma família, mas infelizmente muitos homens tem perdido este privilégio, ou ainda não amadureceram para compreender o seu papel na família e na sociedade.

Essa crise ganha contornos de horror quando se vê que o feminicídio atinge mais 6 de cada 10 mulheres brasileiras, que sofrem com ofensas verbais, físicas e psicológicas de seus companheiros (Folha de São Paulo, março 2015).

Quero desafiar cada pai a compreender o seu papel neste tempo. Sendo assim deixo três desafios para sermos Pais Consagrados que formarão uma nova geração de homens de valor para as suas famílias e para a sociedade:

1 – Governe bem a sua vida e a sua família.

Este desafio implica em saber cuidar de si próprio, o que implica cuidar das dimensões físicas, biológicas, emocionais e espirituais. Muitos homens pensam que tem apenas que trabalhar, mas trabalho deve ser uma parte de seu dia. Você precisa oferecer o melhor para sua família, que é o seu equilíbrio emocional, alegria, bem-estar, ser um mentor para seus filhos e um grande porto seguro para a sua esposa. Infelizmente, ainda existem homens que não cuidam do corpo, não fazem exames de rotina, não investem em sua saúde emocional através da terapia, amizades que estimulam a melhora da vida.

Você está governando bem a sua vida e a sua família?

Alguns anos atrás conheci um grande empresário que estava doente, ele já havia passado por três casamentos, era cuidado por cuidadores, mas tinha 08 filhos e nenhum amigo ao seu lado. Ele me confidenciou que o foco de sua vida era ganhar dinheiro, e por isso estava terminando a vida sozinho. Em seu velório os filhos só passaram na sala do cemitério, ninguém reconheceu aquele homem, como um bom amigo. Morreu por causa de um câncer na laringe, devido aos anos do vício do cigarro.

Não termine a sua vida assim. Seja reconhecido por ser um homem sábio, um bom companheiro e um grande amigo.

2 – Invista em seus filhos.

Ofereça o seu melhor tempo para seus filhos, brique com eles, leia livros juntos, viagem juntos e some alegrias na memória de seus filhos.

Eu fiz muitos trabalhos voluntários em presídios e sempre fazia pergunta para aqueles jovens. – Por que eles estavam ali? Muitos me respondiam dizendo que saíram de casa muito cedo, porque eram espancados pelos seus pais. Conheci um jovem que estava determinado a assassinar o seu pai. Porque aquele homem havia molestado ele na infância. Infelizmente muitas pessoas estão oferecendo o pior lixo para os seus filhos.

Filho não precisa de roupas e brinquedos, eles precisam de abraços e amor. Invista o seu melhor para os seus filhos.

3 – Seja o grande amor de sua esposa.

Sim! Cultive o amor, alimente-a de esperança e fé no coração dela, isso fará que você tenha uma grande companheira em sua vida. Dê presentes, faça jantares, leve-a para passear, escute-a e ajude com os afazeres domésticos .

Compreenda algo muito importante para sua vida. A sua esposa será a sua companheira na velhice, por isso alimente-a diariamente de amor, porque se há algo muito especial nas mulheres, isso se chama reciprocidade, a grande maioria das mulheres sempre doam mais de si para os filhos e maridos. Quando um marido compreende isso, ele deve expressar essa verdade com atitudes práticas e diárias. É sempre melhor dar, porque todas as vezes que damos, colhemos.

Seja um pai consagrado à Deus, dedicado a sua família e o grande amor de sua esposa. Com certeza você colherá muitas alegrias na sua vida.

Se você quer compreender mais dessas verdades, escrevi um livro “Tempo de Consagração” e ele tem ajudado muitos pais e famílias. Encomende o seu exemplar agora mesmo aqui: www.edimpacto.com.br

Estamos numa jornada juntos, conte comigo.

pastor Carlos

 

Carlos A. M. Fernandes, Pai da Ana Luiza e da Paula Vitória, esposo da Soraia, Coach, Escritor, Pastor, Palestrante e Apresentador do Programa Tempo de Consagração e Potencialize sua vida.

 

 

Junte-se a nós na comunidade #vidaboadepai! Faça como o Carlos Fernandes!! Se você tem interesse em compartilhar momentos, inspirar outros pais, contar histórias ou fazer um depoimento, envie então um e-mail para eutenho@vidaboadepai.com.br. Iremos ler, responder e se você quiser, contar a sua história no blog Vida Boa de Pai.

Comentários do Facebook

comentários

Comente aqui